Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto

Chile: Processo de trasladação decidido 2ª feira

O processo de trasladação dos corpos dos quatro portugueses que morreram na passada sexta-feira no sul do Chile na sequência da queda de uma avioneta será decidido segunda-feira, revelou este domingo uma fonte da secretaria de Estado da Comunidades.
26 de Novembro de 2006 às 17:52
Segundo a mesma fonte, os corpos dos dois jornalistas do ‘Record’, da profissional do ‘Diário de Notícias’ e da directora de uma agência de comunicação estão a ser autopsiados no Instituto de Medicina Legal de Puerto Mott, cidade situada 1.600 quilómetros a sul de Santiago do Chile.
De acordo com informações avançadas pelos media chilenos, o acidente está a ser investigado pelas autoridades, mas até ao momento estão ainda por apurar as causas da queda da avioneta.
Os quatro portugueses estavam a passar férias no Chile e sexta-feira alugaram os serviços de uma companhia aérea para sobrevoarem o Lago de San Rafael num pequeno bimotor, que acabou por despenhar-se quatro minutos depois de levantar voo do aeródromo Tenente Vidal, em Puerto Mott, próximo de Coihaique. Além dos portugueses, seguiam também no aparelho o piloto e uma guia, ambos chilenos, que também morreram no acidente.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)