Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
6

Chissano apoia Guterres para secretário-geral da ONU

Ex-presidente de Moçambique tem suspeitas sobre processo.
Lusa 3 de Outubro de 2016 às 18:03
Joaquim Chissano, ex-Presidente de Moçambique
Joaquim Chissano, ex-Presidente de Moçambique FOTO: Duarte Roriz

O ex-Presidente de Moçambique Joaquim Chissano manifestou desejo que António Guterres seja nomeado secretário-geral das Nações Unidas, mostrando-se desconfiado sobre o processo de escolha, disse hoje à agência Lusa.

"Eu agora estou um pouco perdido porque parei na quinta votação, não sei já houve a sexta. Ele ganhou todas as cinco votações e estava a dizer em conversa que, se o Guterres perder - era um pouco de brincadeira - será fraude", comentou.

Convicto de que as cinco votações seriam suficientes para garantir a eleição do antigo primeiro-ministro português, questionou também o anúncio na semana passada da candidatura da búlgara Kristalina Georgieva, vice-presidente da Comissão Europeia, substituindo a compatriota Irina Bokova, atual diretora-geral da UNESCO.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)