Cirurgia garante maior volume mamário sem próteses

Gordura é extraída de uma parte do corpo, tratada e depois é injetada no peito da paciente.
Por Francisca Genésio|05.08.18

Há cada vez mais mulheres em Portugal que recorrem à cirurgia plástica para resolver o problema do peito pequeno. Mas se até há bem pouco tempo o aumento mamário só era possível com recurso a próteses agora há uma nova solução.

"O aumento da mama sem recurso a próteses faz-se através do autoenxerto de gordura. Realiza-se uma lipoaspiração numa área em que exista um depósito de adiposidade localizada e a gordura extraída é tratada e infiltrada na região mamária, sempre com controlo de manuseamento e assepsia", esclarece ao CM o cirurgião plástico Nuno Fradinho.

A técnica tem-se tornado popular e é cada vez mais procurada. Destina-se a mulheres que queiram "aumentos menos pronunciados do volume" mas ainda assim, nem todas podem submeter-se a esta operação.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!