"Clamor popular influenciou tribunal" no caso Urdangarin

O porta-voz de Iñaki Urdangarin disse hoje na Catalunha que, pelas "informações publicadas na imprensa", houve um "clamor popular" para levantar o segredo de justiça ao caso Nóos e constituir arguido o genro do rei de Espanha.
29.12.11
  • partilhe
  • 0
  • +

Em declarações aos jornalistas em Barcelona, o advogado Pascual Vives, porta-voz do duque de Palma, acrescentou que ainda não falou com Iñaki Urdangarin  que, afirma estar "completamente inocente" e que agora que foi formalmente  constituído arguido vai ter oportunidade  para "começar a defender" a honra.  

O Tribunal de Palma de Maiorca notificou hoje o genro do rei de Espanha para se apresentar no dia 6 de Fevereiro perante o juiz , após ter sido  levantado o segredo de justiça do caso da Fundação Nóos.  

Iñaki Urdangarín - duque de Palma e marido da infanta Cristina, a filha mais nova dos reis de Espanha - está a ser investigado por alegados delitos  de falsificação de documentos, prevaricação, fraude e desvio de fundos públicos  através do instituto de que é presidente.  

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!