Condenado por abuso de menina inventada

Vigilante criou perfil falso e fez-se passar por adolescente de 13 anos para caçar predadores sexuais.
Por João Carlos Rodrigues|15.08.18
Notícia exclusiva para assinantes. Para ler faça Login ou AssineSaiba mais aqui.
Um português, de 33 anos, foi condenado pelo tribunal de Jersey, no Reino Unido, a dez meses de cadeia por aliciar sexualmente uma menina de 13 anos que nunca existiu. Luís Daniel da Silva Ferreira, natural da Madeira, caiu numa armadilha criada por uma mulher residente naquela ilha do Canal da Mancha que atua como vigilante e que desta forma já ...
Exclusivos CMEste artigo é exclusivo para Assinantes Correio da Manhã
Se já é Assinante, faça o seu loginouClique para ler TODOS OS EXCLUSIVOS CM de hoje.
Obtenha o seu código de acesso com uma simples chamada telefónica (0.60€ + IVA). Se já tem código, insira-o.
Assine agora o Correio da Manhã Digital
  • Assine Acesso integral ao Correio da Manhã ePaper (tal como é impresso em papel, veja exemplo)
  • AssineAcesso ilimitado a todo o site do Correio da Manhã.
  • AssineTodos os exclusivos, opinião e análise da edição em papel.
Saiba mais

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!