Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
9

Conselho de Segurança da ONU condena ataque no Irão

Conselho apelou ao Irão que proteja as instalações diplomáticas.
Lusa 5 de Janeiro de 2016 às 03:23
A embaixada saudita no Irão
A embaixada saudita no Irão FOTO: Reuters

O Conselho de Segurança da ONU condenou, na segunda-feira, o ataque à embaixada saudita em Teerão por manifestantes que protestavam contra a execução, por Riade, de um proeminente líder religioso xiita.

O comunicado do conselho de 15 membros não fez qualquer referência à execução de Nimr al-Nimr e apelou ao Irão que proteja adequadamente pessoal e instalações diplomáticas.

Devido a estes ataques, a Arábia Saudita decidiu romper os seus laços diplomáticos com o Irão. Os dois países são atores chave na possível resolução dos conflitos armados na Síria e no Iémen.

Na nota, o Conselho de Segurança da ONU recordou que "o princípio fundamental da inviolabilidade dos recintos diplomáticos e consulares", e a obrigação de cada nação de proteger essas instalações contra "qualquer intrusão ou dano".

Ao expressar a sua "profunda preocupação com estes ataques", o Conselho apelou a Teerão para proteger os funcionários e instalações diplomáticas e consulares de outras nações, "e respeitar completamente as suas obrigações internacionais nesse sentido".

Os membros do Conselho de Segurança das Nações Unidas deixaram também um apelo às partes envolvidas para que "mantenham o diálogo e tomem passos para reduzir as tensões na região".

Conselho de Segurança ONU Teerão Riade Irão ataque embaixada política diplomacia
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)