Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
5

CONSTÂNCIO: SAÍDA DE DURÃO NÃO PÕE EM CAUSA A RETOMA

O governador do Banco de Portugal, Vitor Constâncio, referiu esta terça-feira que qualquer que seja a solução para a sucessão de Durão Barroso, a retoma da economia nacional não está em causa.
29 de Junho de 2004 às 19:01
O responsável pelo banco central português falava à saída do Palácio de Belém, onde teve uma audiência com o Presidente da República, sobre a actual situação política nacional.
“Todas as soluções criam alguma instabilidade, que pode durar mais tempo ou menos», mas a retoma «não vai estar em causa”, defendeu o governador do banco central. “Não vai estar em causa a evolução da economia” nacional, tendo acrescentado que o comportamento da economia portuguesa reflecte o que se passa na Europa.
Porém o Governador adiantou que está menos optimista que há uma semana atrás, altura em que Constâncio disse que estar mais confiante do que em Janeiro, data das últimas previsões do Banco de Portugal, que apontam para um crescimento do PIB este ano a variar entre 0 e 1,5%.
O governador acrescentou que qualquer que seja a decisão tomada por Jorge Sampaio, terá o seu “apoio”.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)