Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
3

Coppola filma tragédia familiar em 'Tetro' (COM TRAILER)

Vincent Gallo e o estreante Alden Ehrenreich protagonizam um reencontro conflituoso entre irmãos em 'Tetro', o mais recente filme de Francis Ford Coppola.
17 de Novembro de 2009 às 15:31
Vincent Gallo é 'Tetro'
Vincent Gallo é 'Tetro' FOTO: DR

‘Tetro’ é uma tragédia em tom de opereta. Pelo intenso jogo de luz e sombras – foi rodado a preto e branco, na Argentina –, pela complexidade dramática dos seus protagonistas – Vincent Gallo e o estreante Alden num tenso conflito entre irmãos –, pela tensão latente em toda a trama – na música genial e na densidade da acção. E o que poderia até parecer uma ‘simples’ história de conflito entre irmãos, fechada numa pequena família em crise, será, afinal, um mistério que se adensa até explodir na surpresa maior de uma revelação inesperada.

Francis Ford Coppola, no seu estilo mais livre e independente, parece regressar à densidade e espectacularidade de tramas como ‘O Padrinho’ nesta sua aparentemente despojada tragédia familiar. ‘Tetro’ é uma história de família: Benjamin (Alden Ehrenreich, a cara chapada de Leonardo DiCaprio) vai a Buenos Aires atrás do irmão mais velho, Angelo (Vincent Gallo) que não está muito disponível para reatar os laços familiares. Na ingenuidade da esperança da pacificação dos laços de sangue, Benjamin não desiste e, com a ajuda da mulher do irmão, Miranda (Maribel Verdú), vai cercando suavemente o irmão.

Como se fosse um mil-folhas, o filme vai libertando as suas densas camadas e, aos poucos, revela o mistério maior soberbamente camuflado até então. O que parecia, afinal, não é. E a explosão da revelação final surpreende o mais incauto.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)