Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
8

Coreia do Norte prepara-se para inundações com chegada da monção

Governo quer impedir repetição de tragédias como a de 2016, que matou 140 pessoas.
Lusa 10 de Julho de 2017 às 06:11
Inundações na Coreia do Norte, em 2012
Inundações na Coreia do Norte, em 2012 FOTO: Getty Images

As autoridades norte-coreanas ativaram um contingente para prevenir inundações, com a chegada das chuvas de monção de verão, para evitar danos como os registados no ano passado no nordeste do país, informaram esta segunda-feira os 'media' estatais.

"Estamos conscientes da importância de evitar que as inundações danifiquem os cultivos. Estamos a trabalhar para evitar possíveis inundações e danos provocados pelo vento", afirmou um representante do Ministério do Agricultura, num comunicado à rádio estatal norte-coreana, citado pela agência noticiosa sul-coreana Yonhap.

As províncias de Ryanggang e Hamyong do Norte e Sul foram gravemente atingidas em agosto de 2016 pelas chuvas, que causaram pelo menos 140 mortos e 400 desaparecidos.

O regime norte-coreano, que classificou essas tempestades como as piores em sete décadas, foi obrigado a destacar um vasto contingente para reparar os danos e assistir os afetados.

O principal diário do país, o Rodong Sinmun, publicou na semana passada um relatório da agência meteorológica norte-coreana, que espera que a época de chuvas comece em meados de julho, esperando-se também fortes ventos em diferentes pontos do país.

O jornal instava a população a construir diques e tomar outras medidas para evitar que os terrenos agrícolas fiquem submersos.

Nos últimos meses, o país teve de lidar com outro problema meteorológico, a seca, nas províncias ocidentais.

Os meios de comunicação norte-coreanos informaram que o regime teve de enviar camiões cisterna e equipas de bombeiros à província de Hwanghae do Sul, umas das mais afetadas pela falta de chuva.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)