Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
9

Coronavírus faz disparar ouro que sobe para novos máximos desde março de 2013

Rápida expansão do coronavírus fora da China e o aparecimento de surtos noutras regiões como Itália, Coreia do Sul ou Irão levaram ao aumento.
Lusa 24 de Fevereiro de 2020 às 13:33
Homem foi deitod ao tentar embarcar num voo com cinco barras de ouro
Coronavírus
Coronavírus China
Homem foi deitod ao tentar embarcar num voo com cinco barras de ouro
Coronavírus
Coronavírus China
Homem foi deitod ao tentar embarcar num voo com cinco barras de ouro
Coronavírus
Coronavírus China
O ouro atingiu esta segunda-feira um novo máximo dos últimos sete anos, estando a consolidar-se como ativo de refúgio devido aos receios da rápida propagação do coronavírus fora da China, em regiões como a Coreia do Sul, Itália e Irão.

Cerca das 12h00 em Lisboa, a onça de ouro estava a cotar-se acima dos 1.680 dólares, o valor mais alto desde março de 2013 e acima de 1.643,69 dólares na sexta-feira.

A rápida expansão do coronavírus fora da China e o aparecimento de surtos noutras regiões como Itália, Coreia do Sul ou Irão provocaram esta segunda-feira a queda das bolsas em todo o mundo, levando os investidores a optar por ativos considerados seguros como o dólar, a dívida soberana e o ouro.

Coronavírus China Coreia do Sul Itália Irão
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)