Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
3

Família de estudante portuguesa quer transladar corpo

Corpo de Sandra Marques foi encontrado no domingo em Ourense, Espanha.
23 de Fevereiro de 2015 às 11:33
Corpo da jovem foi encontrado numa zona de banhos termais do rio Minho, na região espanhola da Galiza
Corpo da jovem foi encontrado numa zona de banhos termais do rio Minho, na região espanhola da Galiza FOTO: Brais Lorenzo/EFE

O corpo encontrado no domingo numa zona de banhos termais em Ourense, Espanha, é da rapariga portuguesa de Castelo Branco que estava desaparecida desde o dia 16, disse esta segunda-feira à agência Lusa fonte familiar.

O pai de Sandra Marques, Jorge Marques, confirmou a morte da filha, depois de ter reconhecido o corpo, esta segunda-feira, em Ourense, na Galiza.

O pai disse desconhecer a causa da morte e explicou esperar ainda esta segunda-feira conseguir trasladar o corpo para Portugal, mais especificamente para Ninho do Açor, no distrito de Castelo Branco.

Desaparecida desde dia 16

A estudante portuguesa, de 21 anos, estava em Ourense a realizar um estágio ao abrigo do programa Leonardo Da Vinci e estava desaparecida desde o dia 16, altura em que os pais a conseguiram contactar pela última vez.

"Disse-nos que ia jantar a casa de uma colega e que depois falávamos. A partir daí, não sabemos de mais nada", afirmou então a mãe da jovem, Maria Marques.

Fonte oficial da Polícia Nacional espanhola em Ourense confirmou também nesse dia à agência Lusa que decorre desde o dia 16 uma investigação ao desaparecimento de uma jovem portuguesa. Questionada sobre as circunstâncias do desaparecimento, a mesma fonte disse que "todas as linhas de investigação estão em aberto". "Nada está determinado. Uma vez que se trata de uma pessoa maior de idade, temos de perceber melhor o contexto no qual esta pessoa deixou de estar contactável", disse a fonte.

"Um pouco desanimada"

A mãe da estudante portuguesa explicou ainda que Sandra Marques estava "um pouco desanimada" e que "queria desistir do estágio" que se encontrava a realizar no âmbito do programa Leonardo da Vinci, numa fundação espanhola.

A jovem portuguesa estava a viver em Ourense numa casa que partilhava com mais três jovens estudantes espanholas e o regresso a Portugal estava previsto para o dia 25 de março, quando terminava o estágio.

Sandra Marques tinha concluído a licenciatura em Serviço Social na Escola Superior de Educação (ESE) de Castelo Branco em 2014.

Ourense Galiza Espanha Castelo Branco Sandra Marques corpo pai Jorge Marques família
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)