Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
3

CPLP/Cimeira: Guterres espera "papel positivo" da comunidade quanto à pena de morte

Lusa 31 de Outubro de 2016 às 13:49

O futuro secretário-geral da ONU, António Guterres, disse hoje confiar que a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) poderá desempenhar "um papel positivo" quanto à pena de morte, em relação à qual a Guiné Equatorial impôs uma moratória.

"A pena de morte está espalhada em todos os continentes ainda, infelizmente. Mas tenho confiança que a CPLP possa desempenhar um papel positivo neste domínio", defendeu o próximo responsável da Organização das Nações Unidas, em declarações aos jornalistas, em Brasília, antes de ser recebido pelo Presidente brasileiro, Michel Temer, no Palácio do Planalto.

Guterres respondia a questões sobre a existência de pena de morte na Guiné Equatorial, que aderiu à CPLP em 2014 depois de impor uma moratória sobre as execuções. Na última cimeira, os países lusófonos declararam o seu apoio às autoridades de Malabo no objetivo de abolir a pena capital.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)