Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
8

Défice português de 2013 é "notícia bem-vinda"

Instituto Nacional de Estatística divulgou que o défice orçamental fica nos 4,9% do PIB.
31 de Março de 2014 às 14:00
Portugal, juros, dívida, 18 meses, subida, meses
Portugal, juros, dívida, 18 meses, subida, meses FOTO: Getty Images/Adam Gault

A Comissão Europeia considera que o valor do défice orçamental de Portugal em 2013, de 4,9%, divulgado esta segunda-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) é uma "notícia bem-vinda", que a 'troika' já antecipara no final de fevereiro.

Numa declaração à Agência Lusa, Simon O'Connor, porta-voz dos Assuntos Económicos, comentou que se trata de "uma notícia bem-vinda, e em linha com a estimativa" da 'troika' avançada a 28 de fevereiro, após a 11.ª missão regular de avaliação do programa de assistência financeira a Portugal, que apontava para um défice de 4,5% do Produto Interno Bruto, excluindo o impacto da recapitalização do Banif, que representou 0,4% do PIB.

Na altura, na declaração da Comissão Europeia, do Banco Central Europeu (BCE) e do Fundo Monetário internacional (FMI) divulgada por ocasião da conclusão da 11.ª missão a Portugal, estas instituições que formam a 'troika' consideravam que "os objetivos orçamentais permanecem inalterados", mantendo-se os 4% de défice para 2014, "com as perspetivas económicas melhoradas a sugerirem riscos mais equilibrados em torno da meta".

Simon O'Connor economia portugal troika défice instituto nacional de estatística
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)