Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
8

Diretor do BNU em Timor-Leste preocupado com exigências de 'rating'

Lusa 22 de Janeiro de 2015 às 09:22

O diretor-geral do BNU, sucursal da Caixa Geral de Depósitos em Timor-Leste, manifestou-se hoje preocupado com critérios do Governo timorense sobre o 'rating' da banca, que podem excluir a sua entidade de emitir garantias bancárias.

"Para já, não temos tido nenhuma rejeição. Mas sabemos que os diversos Ministérios recomendam o cumprimento desta normativa sobre o 'rating', que, por inerência, exclui todos os bancos em Timor, menos o (australiano) ANZ", disse Fernando Torrão Alves, em entrevista à agência Lusa.

Os critérios do 'rating' para as garantias bancárias estão definidos no artigo 8.º do decreto 1/2015, publicado no Jornal da República, que estabelece que todos os pedidos de garantias bancárias "têm de ter a aprovação do Órgão e Serviço ou Fundo Autónomo, assumindo a respetiva responsabilidade".