Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
9

Drone britânico na operação contra "Jihad John"

David Cameron diz não haver ainda a certeza da morte do membro do EI.
Lusa 13 de Novembro de 2015 às 20:15
"Ainda não podemos ter a certeza de que o ataque foi bem-sucedido", disse Cameron à imprensa em Londres
'Ainda não podemos ter a certeza de que o ataque foi bem-sucedido', disse Cameron à imprensa em Londres FOTO: Reuters

Um 'drone' britânico participou no ataque norte-americano que poderá ter matado o carrasco britânico do grupo Estado Islâmico, conhecido como "Jihad John", mas sem disparar qualquer míssil, disseram esta sexta-feira as autoridades norte-americanas.

"Três 'drones' foram usados durante a operação, e um deles era britânico", afirmaram as mesmas fontes, explicando que os aparelhos norte-americanos dispararam mísseis e que o britânico fez só monitorização.

O primeiro-ministro britânico, David Cameron, disse não haver ainda a certeza da morte do britânico "Jihadi John", membro do grupo extremista Estado Islâmico, num ataque aéreo norte-americano na Síria.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)