Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
4

Elias vence e Rossi assume liderança

O espanhol Toni Elias, da Honda, venceu este domingo o Grande Prémio (GP) de Portugal em MotoGP com o tempo de 46 minutos e 08,739 segundos, com uma vantagem mínima de duas milésimas de segundo sobre o italiano Valentino Rossi, da Yamaha, que corou a meta no segundo lugar e ascendeu à liderança do Campeonato Mundial da categora rainha do Motociclismo.
15 de Outubro de 2006 às 14:23
Rossi parte assim para a última prova do Campeonato do Mundo de Motociclismo de velocidade em MotoGP, a realizar em Valência (Espanha), com oito pontos de vantagem sobre o norte-americano Nicky Hayden, da Honda, anterior líder do campeonato.
Hayden viu-se obrigado a desistir da prova quando, à quinta volta da prova, o seu colega de equipa, o espanhol Dani Pedrosa, perdeu o controlo da sua mota e chocou com ele. O norte-americano, que poderia ter-se consagrado campeão no circuito do Estoril, está agora em risco de não conquistar o título.
Refira-se ainda que o pódio no Estoril ficou completo com o norte-americano Kenny Roberts Jr. na terceira posição, depois de ter terminado a prova cronometrado com o tempo de 46 minutos e 08,915 segundos.
DOVIZIOSO VENCE NOS 250CC
O italiano Andrea Dovizioso, da Honda, foi o grande vencedor na categoria de 250cc, terminando as 26 voltas do circuito com o tempo de 44m30,727s. O japonês Hiroshi Ayoama, da KTM, e Alexis de Angelis, da Aprilia, de São Marino, terminaram a prova no segundo e terceiro lugares respectivamente, a 0,015 e 0,348 segundos do italiano.
Jorge Lorenzo, da Aprilia, que poderia ter-se tornado o primeiro campeão do mundo consagrado na pista do Estoril, ficou em quinto lugar, a quase dois segundos de Dovizioso, adiando a discussão do título para a derradeira prova do campeonato, a realizar em Espanha.
O português João Fernandes terminou na 24.ª e última posição, a duas voltas de Andrea Dovizioso. Apesar de tudo, o único piloto luso a disputar o Grande Prémio de Portugal mostrou-se satisfeito e afirmou que o objectivo traçado foi cumprido, ao conseguir terminar a prova.
BAUTISTA BATE RECORDE DE ROSSI
Alvaro Bautista, da Aprilia, o virtual campeão do Mundial de 125cc, venceu este domingo o Grande Prémio de Portugal, deixando a 15,098 segundos o seu compatriota Hector Faubel, da Aprilia, e a 15,112 segundos o finlandês Mika Kallio, da KTM, segundo e terceiro classificados, respectivamente.
Com a vitória no Estoril, Bautista, de 21 anos, conseguiu o oitavo triunfo da época do Campeonato do Mundo de motociclimo de velocidade e soma 325 pontos na liderança, batendo o recorde de pontos conquistados numa única época na categoria inferior, 321, estabelecido por Rossi em 1997.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)