Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto

Lisboa precisa do triplo de equipas de cuidados continuados

Associação de enfermeiros fala em falta de equipas domiciliárias.
23 de Abril de 2015 às 07:30
Cidade de Lisboa
Cidade de Lisboa FOTO: Manuel Vicente

A associação de enfermeiros dos cuidados continuados e paliativos avisa que o número de equipas domiciliárias na região de Lisboa e Vale do Tejo é manifestamente insuficiente, estimando que sejam necessários o triplo dos profissionais.

Este será um dos temas em debate nas Jornadas de Cuidados Continuados e Paliativos, que decorre na sexta-feira em Lisboa.

"O nosso drama ultimamente é ver que as pessoas estão a ser colocadas em casa a precisar de cuidados e nós não temos equipas para chegar lá. Há que mudar o paradigma deste tipo de cuidados: as camas de cuidados continuados são precisas, sim, mas essencialmente são precisas equipas domiciliárias", afirmou a presidente da Associação de Enfermagem em Cuidados Continuados e Paliativos à agência Lusa.

Lisboa Vale do Tejo triplo equipas domiciliárias cuidados continuados
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)