Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
1

EUA libertam prisioneiros iraquianos

O exército norte-americano libertou este domingo pelo menos 509 iraquianos de três prisões no Iraque, dois deles eram jornalistas da agência noticiosa Reuters.
15 de Janeiro de 2006 às 16:19
Os ex-prisioneiros encontravam-se nas prisões de Abu Ghraib (oeste de Bagdad), Camp Bucca (sul do Iraque) e Camp Suse (norte). Ali al-Machhadani, operador de câmara, e Majed Hamid, correspondente da Reuters e da televisão árabe al-Arabiya, foram detidos em Agosto e Setembro passado respectivamente.
"Estamos contentes pela libertação de Ali e Majed, mas continuamos a ter sérias dúvidas quanto à duração da sua detenção sem que lhes tenha sido dirigida uma acusação formal", sublinhou em comunicado David Schlesinger, chefe de redacção da Reuters.
Pelo menos três outros jornalistas iraquianos que trabalham para meios de comunicação social internacionais encontram-se detidos.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)