Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
9

Ex-funcionários e académicos venezuelanos apelam à monitorização das eleições

Lusa 1 de Setembro de 2015 às 21:26

Um grupo de cidadãos, que integra académicos e ex-funcionários do Governo venezuelano, enviou uma carta à Organização de Estados Americanos (OEA) para lhe pedir que monitorize o processo eleitoral venezuelano previsto para 6 de dezembro.

"A OEA deve, desde já, garantir maiores níveis de transparência e imparcialidade em todo o processo que conduz às próximas eleições", defende-se no documento, divulgado hoje em Caracas e enviado ao secretário-geral da OEA, Luís Almagro.

A missiva assinada por, entre outros, o ex-ministro de Planeamento e Desenvolvimento Felipe Pérez Martí, o ex-procurador geral da República Javier Elechiguerra e os académicos Luis Lander, Arnaldo Esté, Luis Fuenmayor Toro e Alberto Jordán Hernández, insta a OEA a que "dentro dos limites que o direito internacional impõe, continue alerta sobre a situação" venezuelana.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)