Executado ao defender mulher de gang armado

Grupo assaltou café com o objetivo de roubar dinheiro das apostas do Euromilhões e disparou dois tiros assim que o proprietário reagiu.
Por João Carlos Rodrigues|10.06.18
Notícia exclusiva para assinantes. Para ler faça Login ou AssineSaiba mais aqui.
Há mais de trinta anos que Hermenegildo Varela, de 70, e a mulher Palmira exploravam o pequeno café na rua Maria Lamas, na Cova da Piedade, Almada. "Pareciam siameses, onde ia um ia outro", conta uma vizinha à porta do café que, sexta-feira à noite, se tornou palco de tragédia depois de um grupo armado ter atacado e ...
Exclusivos CMEste artigo é exclusivo para Assinantes Correio da Manhã
Se já é Assinante, faça o seu loginouClique para ler TODOS OS EXCLUSIVOS CM de hoje.
Obtenha o seu código de acesso com uma simples chamada telefónica (0.60€ + IVA). Se já tem código, insira-o.
Assine agora o Correio da Manhã Digital
  • Assine Acesso integral ao Correio da Manhã ePaper (tal como é impresso em papel, veja exemplo)
  • AssineAcesso ilimitado a todo o site do Correio da Manhã.
  • AssineTodos os exclusivos, opinião e análise da edição em papel.
Saiba mais
Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!