Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
8

Exposição de Vhils bate recorde do Museu da Eletricidade

Esta foi a maior exposição de sempre de um artista português no museu, com 65 600 visitantes.
8 de Outubro de 2014 às 16:50
Artista Alexandre Farto junto a obras da exposição "Dissecação"
Artista Alexandre Farto junto a obras da exposição 'Dissecação' FOTO: João Cortesão

A exposição "Dissecação", do artista português Alexandre Farto, que assina como Vhils, encerrada domingo no Museu da Eletricidade, em Lisboa, recebeu mais de 65600 visitantes, indicou esta quarta-feira a organização.

Fonte do departamento de comunicação da entidade acrescentou que "esta foi a exposição mais visitada de sempre de um artista português no Museu da Eletricidade".

Inaugurada a 5 de julho, a exposição "Dissecação", a maior mostra do trabalho do artista, teve uma afluência de público muito intensa, levando a Fundação EDP, que tutela o museu, de entrada gratuita, a alargar o horário de abertura até às 22h00, a partir de 18 de setembro.

Alexandre Farto exposição Vhils recorde Museu da Eletricidade
Ver comentários