Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
9

FAP obriga avião a aterrar

A Força Aérea Portuguesa forçou um avião monomotor a aterrar no Aeródromo de Tires após terem fracassado todas as tentativas para comunicar via rádio com o piloto.
25 de Julho de 2005 às 20:01
Segundo fonte da FAP, o avião descolou dos EUA e fez a travessia do Atlântico com problemas nos sistemas de comunicação. O coronel Carlos Barbosa, porta-voz do Estado-Maior da Força Aérea, explicou que se tratou de uma acção de rotina.
Segundo explicou o oficial, a parelha de caças que está constantemente em alerta descolou e realizou sem problemas a intercepção do avião incomunicável. "Em situações deestas, o perfil do voo só termina quando a aeronave é interceptada e aterra. Até lá é considerada uma aeronave que não tem um perfil normalde voo. É um procedimento normal", explicou o coronel Carlos Barbosa.
De acordo com a mesma fonte, o voo era uma transferência de aeronave de um país (EUA) para outro (França) e a bordo seguia apenas o piloto. O caso está já entregue às autoridades civis portuguesas, para averiguações.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)