Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
8

Fernando Negrão propõe fundo imobiliário

O candidato do PSD às eleições intercalares para a Câmara Municipal de Lisboa (CML), Fernando Negrão, defendeu esta segunda-feira a criação de um fundo com património imobiliário da autarquia para resolver as dívidas de curto prazo da CML.
18 de Junho de 2007 às 15:45
De acordo com Negrão, a solução para saldar as dívidas da autarquia poderia ser a constituição de um fundo que integrasse parte do património imobiliário da CML que não esteja associado a objectivos sociais ou culturais relevantes ou com edifícios de natureza histórica.
O candidato social-democrata sublinhou que o fundo seria constituído com outras entidades, nomeadamente o fundo de estabilidade da Segurança Social, tendo como contrapartida o valor correspondente às dívidas de curto prazo da autarquia.
Para Fernando Negrão, esta poderá ser uma opção para impedir que a Câmara corra “o risco de paralisar”. O candidato explicou ainda que a autarquia teria sempre a opção de, no final, readquirir os bens que fizessem parte do fundo.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)