Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
7

Filho de Trump viola lei ao publicar voto no pai no Twitter

Publicação já foi apagada.
Lusa 8 de Novembro de 2016 às 19:39
O voto de Eric Trump revelado no Twitter
O voto de Eric Trump revelado no Twitter FOTO: Direitos Reservados

Eric, um dos filhos do candidato republicano à Presidência norte-americana, Donald Trump, violou hoje uma lei estatal de Nova Iorque que proíbe tirar fotos às cédulas eleitorais, ao publicar uma imagem do seu voto no Twitter.

"É uma honra incrível votar pelo meu pai! Fará um trabalho tão bom pelos Estados Unidos", escreveu Eric Trump na rede social Twitter, junto a uma foto com a sua cédula, na qual aparecia marcada a opção "Donald Trump".

Nova Iorque é um dos 18 estados de Estados Unidos onde fazer uma foto a uma cédula eleitoral ou tirar uma 'selfie' com ela é ilegal, algo de que o filho do candidato republicano pareceu dar-se conta pouco depois, dado que apagou a mensagem.

Enquanto alguns estados têm leis mais ambíguas sobre o tema, em Nova Iorque é ilegal mostrar "a qualquer pessoa" a cédula preparada para votar, algo encarado como um "delito menor", de acordo com uma lei estatal aprovada há 126 anos.

Violar essa lei pode levar a uma multa de mil dólares (907,8 euros) ou até um ano na prisão.

Um grupo de cidadãos do estado lançou recentemente uma ação para alterar esta medida, mas um juiz federal recusou-se a fazê-lo na quinta-feira, argumentando que "o interesse do público em eleições ordenadas é muito maior do que o dos demandantes em publicar 'selfies' com as suas cédulas".

Fotografar as cédulas também é ilegal no Alabama, Alasca, Colorado, Flórida, Geórgia, Illinois, Kansas, Massachusetts, Michigan, Mississípi, Nevada, Nova Jérsia, Novo México, Carolina do Norte, Carolina do Sul, Dacota do Sul e Wisconsin, enquanto outros estados têm regras pouco claras sobre este tema.

Donald Trump Eric Trump Nova Iorque Estados Unidos Twitter voto eleições eleições presidenciais
Ver comentários