Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto

Fitch corta 'rating' da Hungria para 'lixo'

A agência de notação financeira Fitch baixou esta sexta-feira o 'rating' da dívida soberana da Hungria para 'lixo', passando de "BB +" para "BBB -", já fora do grau de investimento.
6 de Janeiro de 2012 às 14:03
Ministro húngaro sem pasta, Tamás Fellegi, que está encarregue das negociações com o FMI
Ministro húngaro sem pasta, Tamás Fellegi, que está encarregue das negociações com o FMI FOTO: REUTERS/Bernadett Szabo

Segundo um comunicado da agência de 'rating', esta decisão reflecte "a contínua deterioração do ambiente orçamental" do país e das suas perspectivas de crescimento, provocadas por "políticas económicas não ortodoxas que estão a minar a confiança dos investidores".

A nota da Hungria fica ainda em perspectiva negativa, com uma hipótese de 50 por cento de voltar a baixar dentro de dois anos. Na passada quinta-feira, o governo da Hungria manifestou a sua disposição em reatar "sem condições" as negociações com o Fundo Monetário Internacional e a União Europeia sobre o empréstimo preventivo que pediu às duas instituições.

Segundo o ministro húngaro sem pasta, Tamás Fellegi, que está encarregue das negociações com o Fundo Monetário Internacional (FMI), "não é certo" que o executivo húngaro aceite todas as propostas, mas "está disposto a negociar todas elas, sem condições prévias".

"Consideramos importante chegar a um acordo" disse o ministro numa conferência de imprensa citado pela agência espanhola EFE, falando sobre o pedido feito no mês passado às instituições de assistência financeira preventiva.

Rating fitch agência dívida soberana notação investimento lixo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)