Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
6

Gene BRCA sem influência nas probabilidades de sobrevivência ao cancro da mama

Lusa 12 de Janeiro de 2018 às 07:58

As probabilidades de sobrevivência ao cancro da mama não variam entre mulheres jovens com a mutação genética BRCA, que suscita um elevado risco de desenvolvimento dessa condição, e as que não a têm, indica um estudo publicado hoje.

"O nosso estudo é o maior que se desenvolveu neste campo e os nossos resultados indicam que, quando iniciam o tratamento, as mulheres jovens com a mutação BRCA que sofrem de cancro da mama têm uma probabilidade de sobrevivência idêntica àquelas que não são portadoras do gene", comentou a professora Diana Eccles, da Universidade de Southampton (Reino Unido), autora da investigação, publicada pela revista britânica The Lancet.

Estes resultados são relevantes para entender melhor o tratamento do cancro da mama, particularmente no âmbito da cirurgia preventiva.