Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
2

Gondomar pede "celeridade" na retirada total de resíduos perigosos de S. Pedro da Cova

Lusa 10 de Abril de 2019 às 18:50

A Câmara de Gondomar apelou hoje à celeridade na retirada total dos resíduos industriais perigosos depositados nas escombreiras das minas de São Pedro da Cova, frisando que a perigosidade dos mesmos para a população.

"O Município de Gondomar apela à celeridade numa decisão no âmbito do processo que corre no Tribunal Administrativo e Fiscal (TAF) do Porto e com implicação no arranque da segunda fase de remoção dos resíduos depositados nas escombreiras das antigas minas de São Pedro da Cova, na sequência de uma sentença no âmbito de outro processo, hoje, no Tribunal de São João Novo, no Porto, que dá como sendo de facto perigosos aqueles resíduos", lê-se em comunicado.

A nota surge no dia em que o Tribunal de São João Novo, no Porto, absolveu hoje seis pessoas que o Ministério Público (MP) acusou pela deposição de resíduos perigosos em São Pedro da Cova nos anos de 2001 e 2002.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)