Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
4

Governantes demitem-se por caso de poligamia

Rei marroquino aceitou a demissão de um ministro e uma secretária de Estado.
12 de Maio de 2015 às 20:42
Mohammed VI, rei de Marrocos
Mohammed VI, rei de Marrocos FOTO: Fadel Senna/AFP/Getty Images

Os dois membros do governo marroquino envolvidos num escândalo de poligamia apresentaram esta terça-feira a sua demissão, que foi aceite pelo rei Mohammed VI, segundo um comunicado da Casa Real.

Tratam-se do ministro das Relações com o Parlamento e a Sociedade Civil, Lahbib Choubani, e da sua companheira, a secretária de Estado do Ensino Superior, Soumaya Benjaldún, que se previam casar, se bem que aquele já esteja casado, uma vez que a lei marroquina, inspirada no Corão, permite a um homem ter quatro esposas.

O comunicado não refere as razões da demissão destes membros do governo, que alimentam há mais de duas semanas os títulos de vários órgãos de comunicação escrita e digital. As publicações têm destacado o mal-estar causado no governo e até no Partido Justiça e Desenvolvimento, a que pertencem os dois, pela sua relação e o facto de terem colocado a poligamia no centro do debate, quando este é um fenómeno circunscrito a 0,26% dos marroquinos. 

Mohammed VI governantes marrocos demitem-se poligamia
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)