Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
6

Governo brasileiro cancela exame de admissão de alunos transgéneros em Universidade Afro-Brasileira

Processo seletivo da Unilab foi anunciado na semana passada com a oferta de 120 vagas em cursos de graduação.
Lusa 17 de Julho de 2019 às 05:15
Jair Bolsonaro, presidente do Brasil
Jair Bolsonaro
Jair Bolsonaro, Presidente do Brasil
Jair Bolsonaro, presidente do Brasil
Jair Bolsonaro
Jair Bolsonaro, Presidente do Brasil
Jair Bolsonaro, presidente do Brasil
Jair Bolsonaro
Jair Bolsonaro, Presidente do Brasil

O Ministério da Educação brasileiro mandou cancelar o exame de admissão específico para alunos transgéneros e intersexuais promovido pela Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), anunciou terça-feira o Presidente Jair Bolsonaro.

"A Universidade da Integração da Lusofonia Afro-Brasileira (Federal) lançou vestibular [exame de admissão] para candidatos Transexuais, Travestis, Intersexuais e pessoas não binárias. Com intervenção do Ministério da Educação, a reitoria posicionou-se pela suspensão imediata do edital e a sua anulação 'a posteriori'", escreveu Bolsonaro na rede social Twitter.

O processo seletivo da Unilab foi anunciado na semana passada, de acordo com a imprensa local, com a oferta de 120 vagas em cursos de graduação presencial nos pólos localizados nos estados do Ceará e da Baía.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)