Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
4

Governo: Estradas de Portugal cobram menos do que Privados

Segundo a secretaria de Estado dos Transportes quem tomou estas decisões tem de responder por elas.
15 de Dezembro de 2014 às 19:14
O secretário de Estado dos Transportes e Comunicações, Sérgio Monteiro
O secretário de Estado dos Transportes e Comunicações, Sérgio Monteiro FOTO: José Sena Goulão/LUSA

O secretário de Estado dos Transportes admitiu esta segunda-feira que a manutenção de estradas da parceria público-privada do Baixo Tejo estava contratualizada a 160.000 euros/ano por quilómetro e que a Estradas de Portugal faz o mesmo trabalho por 3.000 euros.

Segundo Sérgio Monteiro, o caso do Baixo Tejo foi o "mais caro" que encontrou na renegociação das parcerias público-privadas.

Esta subconcessão do distrito de setúbal "tinha um custo de manutenção das estradas de 160.000 euros por quilómetro nos próximos anos e a Estradas de Portugal tem previsto no seu orçamento intervenções de manutenção que não ultrapassam 3.000 euros por quilómetro/ano", disse Sérgio Monteiro à agência Lusa.


"Quando transferimos o custo de manutenção para o nosso lado, fazemo-lo tendo em conta a informação que a Estradas de Portugal tem disponível", acrescentou o secretário de Estado dos Transportes, assegurando que os trabalhos de manutenção em causa eram rigorosamente os mesmos.

Segundo o governante, "quem tomou as decisões anteriores tem de responder por elas".



secretário de Estado dos Transportes Baixo Tejo Sérgio Monteiro Portugal
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)