Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
6

Governo: Estradas de Portugal cobram menos do que Privados

Segundo a secretaria de Estado dos Transportes quem tomou estas decisões tem de responder por elas.
15 de Dezembro de 2014 às 19:14
O secretário de Estado dos Transportes e Comunicações, Sérgio Monteiro
O secretário de Estado dos Transportes e Comunicações, Sérgio Monteiro FOTO: José Sena Goulão/LUSA

O secretário de Estado dos Transportes admitiu esta segunda-feira que a manutenção de estradas da parceria público-privada do Baixo Tejo estava contratualizada a 160.000 euros/ano por quilómetro e que a Estradas de Portugal faz o mesmo trabalho por 3.000 euros.

Segundo Sérgio Monteiro, o caso do Baixo Tejo foi o "mais caro" que encontrou na renegociação das parcerias público-privadas.

Esta subconcessão do distrito de setúbal "tinha um custo de manutenção das estradas de 160.000 euros por quilómetro nos próximos anos e a Estradas de Portugal tem previsto no seu orçamento intervenções de manutenção que não ultrapassam 3.000 euros por quilómetro/ano", disse Sérgio Monteiro à agência Lusa.


"Quando transferimos o custo de manutenção para o nosso lado, fazemo-lo tendo em conta a informação que a Estradas de Portugal tem disponível", acrescentou o secretário de Estado dos Transportes, assegurando que os trabalhos de manutenção em causa eram rigorosamente os mesmos.

Segundo o governante, "quem tomou as decisões anteriores tem de responder por elas".



secretário de Estado dos Transportes Baixo Tejo Sérgio Monteiro Portugal
Ver comentários