Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
6

Governo paga retroactivos de uma só vez

O ministro do Trabalho e da Solidariedade Social, Vieira da Silva, anunciou esta quarta-feira na comissão parlamentar de Trabalho e Segurança Social, na Assembleia da República, que o aumento extraordinário das pensões será pago de uma só vez, no próximo processamento das prestações.
9 de Janeiro de 2008 às 11:18
A decisão anunciada esta manhã por Vieira da Silva vem contrariar a posição assumida ontem pelo Governo, quando o secretário de Estado da Segurança Social, Pedro Marques, defendeu a decisão de pagar as actualizações do mês de Dezembro e do subsídio de Natal em prestações mensais.
O secretário de Estado justificou a posição alegando que iria beneficiar os pensionistas em 2009, atendendo a que a taxa de actualização incidiria sobre uma base mais elevada. “Se pagássemos em Janeiro todo o aumento extraordinário, em Fevereiro as pessoas perdiam poder de compra e perdiam valor na sua pensão”, sublinhou ainda o governante.
Hoje, Vieira da Silva foi à comissão parlamentar de Trabalho e Segurança Social esclarecer “todas as dúvidas” e garantir que o Governo "irá no próximo processamento das pensões integrar completamente o valor respeitante ao mês de Dezembro", pelo que os pensionistas deverão receber o valor integral dos retroactivos já no próximo mês.
Durante a sua intervenção, o ministro salientou ainda que a actualização das pensões em Portugal foi feita este ano pela primeira vez em função da inflação passada e não da inflação esperada, o que permite garantir que 90 por cento dos pensionistas mantenham, pelo menos, o poder de compra.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)