Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
3

Governo vai enviar militares para o Rio de Janeiro

A decisão foi tomada na sequência uma onda de ataques a Unidades da Policia Pacificadora em favelas, que causou a morte de um polícia na semana passada.
24 de Março de 2014 às 22:23

O ministro da Justiça do Brasil afirmou esta segunda-feira que enviará tropas federais para o Rio de Janeiro "pelo tempo que for necessário", respondendo afirmativamente ao apelo do governo carioca, após vários ataques a polícias.

O auxílio de agentes federais foi solicitado pelo governo carioca na sequência uma onda de ataques a Unidades da Policia Pacificadora (UPP) em favelas, que causou a morte de um polícia na semana passada.

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, o governador carioca, Sérgio Cabral, e um comandante  das Forças Armadas reuniram-se esta segunda-feira para determinar como seria prestado o auxílio federal e decidiram que os agentes ficarão no complexo de favelas da Maré, na zona norte da capital fluminense.

Em conferência de imprensa, Cardozo não detalhou se as tropas federais que irão para o Rio de Janeiro serão do Exército ou da Força Nacional, formada por polícias militares de diferentes Estados, nem a quantidade de agentes empregados na ação.

A comunidade de favelas da Maré, ainda não pacificada, é considerada estratégica por estar próxima de vias de acesso ao centro da cidade e ter mais de 100 mil habitantes, além da presença de criminosos.

Brasil favelas exército Rio de Janeiro ataques Unidades da Policia Pacificadora ministro da Justiça
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)