Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto

Governo não agiu bem nem a horas sobre ampliação do Museu de Arte Antiga -- Medina

Lusa 23 de Fevereiro de 2016 às 20:39

O presidente da Câmara de Lisboa defendeu hoje que o anterior Governo "não agiu bem nem a horas" relativamente à futura ampliação do Museu Nacional de Arte Antiga (MNAA), considerando que a autarquia fê-lo ao adotar medidas urbanísticas protetoras.

"O que a Câmara de Lisboa fez foi um gesto de grande importância, que ultrapassou aquilo que eram as responsabilidades do Governo anterior [PSD/CDS-PP], que não cuidou de forma adequada da expansão do museu", disse Fernando Medina (PS).

O autarca, que expunha na Assembleia Municipal de Lisboa uma apresentação escrita relativamente à atividade da autarquia entre 01 de novembro e 31 de janeiro, falava sobre a adoção de medidas aprovadas no final de 2015 por este órgão deliberativo, prevendo a suspensão das operações urbanísticas na envolvente do MNAA, de forma a não pôr em causa a expansão deste espaço, no âmbito do Plano de Pormenor de Reabilitação Urbana das Janelas Verdes.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)