Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto

Meios reforçados de combate a incêndios no Gerês

Garantia do Governo.
Lusa 21 de Abril de 2016 às 17:13
Jorge Gomes (esq.), secretário de Estado da Administração Interna
Jorge Gomes (esq.), secretário de Estado da Administração Interna FOTO: Pedro Catarino

O secretário de Estado da Administração Interna avançou esta quinta-feira, em Fafe, que o dispositivo de combate aos incêndios no distrito de Braga vai contar com um reforço de meios no território do Parque Nacional da Peneda-Gerês.

"Há um reforço de forças que o senhor comandante nacional [da proteção civil] prevê ter preposicionada para ajuda ao Gerês, porque é um dos parques mais importantes do país. "Queremos poupá-lo e temos de cuidá-lo", assinalou Jorge Gomes, em declarações à Lusa.

Terras de Bouro, Vieira do Minho, Amaras, Vila Verde e Cabeceiras de Basto serão os concelhos que merecerão uma atenção especial, por estarem próximos do Gerês.

Falando após a apresentação do Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Florestais, no distrito de Braga, para o período do verão, avançou que os meios naquele território vão ser semelhantes aos do ano passado.

"O que está bem não deve ser mexido. No ano passado tivemos um bom dispositivo. Nos temos já uma proteção civil completamente consolidada e bem organizada", disse.

À sessão de apresentação, que se realizou no auditório dos paços do concelho de Fafe, assistiram autarcas, nomeadamente o presidente da câmara local, Raul Cunha, e representantes das corporações de bombeiros do distrito de Braga e de outras forças, como a GNR, integradas no dispositivo de combate.

Críticas à prevenção do incêndios
O secretário de Estado deixou críticas à forma como o país previne os incêndios, prometendo que, a partir de outubro, vai trabalhar para tentar melhorar a situação.

"Se até aqui se tem feito muito pouco, por pouco que se faça, desde que se faça mais, já é um avanço. É isso que vamos tentar entre o Ministério da Administração Interna, o ministério do Ambiente e o Ministério da Agricultura e Florestas", explicou à Lusa, acrescentando:

"Nós temos também consciência que uma das grandes responsabilidades dos incêndios é o mau estado em que temos a floresta. Vamos trabalhar para que se faça algo mais", insistiu, prometendo que vai ser realizado um "levantamento rigoroso da melhor forma de tratar a floresta e prevenir os incêndios florestais".

Jorge Gomes Gerês incêndios meios de combate questões sociais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)