Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto

Estado Islâmico executa 17 pessoas em Palmyra

As pessoas foram mortas por trabalharem para o regime.
21 de Maio de 2015 às 20:54
A cidade síria está quase totalmente ocupada pelo grupo
A cidade síria está quase totalmente ocupada pelo grupo FOTO: Stringer/Reuters

Pelo menos 17 pessoas foram esta quinta-feira executadas por apoiantes do grupo extremista Estado Islâmico após a tomada da cidade síria de Palmyra, disse uma organização de defesa dos direitos humanos.

"O Estado Islâmico executou 17 pessoas, incluindo civis e apoiantes das autoridades. Pelo menos quatro deles foram decapitados", disse Rami Abdel Rahman, diretor do grupo de monitorização do Observatório dos Direitos Humanos sírio.

Segundo o ativista dos direitos humanos, as pessoas foram mortas por trabalharem para o regime.

Estado Islâmico Palmyra Rami Abdel Rahman Observatório dos Direitos Humanos política direitos humanos
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)