Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
9

Guterres avisa países para seguir normas internacionais e proteger refugiados

Lusa 5 de Novembro de 2018 às 14:07

O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, expressou hoje preocupação com a saída de congoleses de Angola, afirmando que as normas internacionais de proteção de refugiados em caso de conflito devem ser respeitadas.

Questionado sobre a situação na região dos Grandes Lagos, que abrange entre outros países, a República Democrática do Congo (RDCongo) e a expulsão de emigrantes congoleses de Angola, Guterres mostrou-se "muito preocupado" porque a situação não está estabilizada.

"Espero que as eleições na República Democrática do Congo [que devem acontecer em 2019] possam contribuir para essa estabilização e ajudar a resolver os problemas do movimento de populações que têm ocorrido e que têm causado grande preocupação na região, declarou aos jornalistas, após ter recebido o prémio José Aparecido de Oliveira na sede da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) em Lisboa.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)