Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
2

Homem desaparecido desde sábado após viagem de trabalho a Barcelos

Família participou o caso à GNR e à PJ e está a realizar buscas por conta própria.
João Carlos Rodrigues 4 de Maio de 2022 às 10:05
A carregar o vídeo ...
Autoridades procuram homem desaparecido desde sábado após viagem de trabalho a Barcelos

Um homem de 31 anos está desaparecido desde sábado, depois de uma viagem de trabalho a Barcelos. Ricardo Caeiro regressava a casa, na zona de Vila Franca de Xira quando falou a última vez com a família, garantindo que chegava em duas horas, mas desde então não há qualquer dado sobre o homem, a carrinha em que circulava ou do telemóvel. A família participou o caso à GNR e à Polícia Judiciária e está a realizar buscas por conta própria numa tentativa desesperada para o localizar.

De acordo com uma irmã, Ricardo viajou na sexta-feira à noite desde Vila Franca de Xira até Barcelos numa carrinha da empresa da família. Levava uma carga de carne que entregou ao cliente na manhã de sábado e voltou a arrancar de regresso a casa pelas 12h00. Pelas 16h30 ligou à mãe a dizer que chegava em duas horas e perguntou pela filha de seis anos, que tinha ficado aos cuidados da avó. Mas as horas foram passado e Ricardo Caeiro não voltou a dar sinais de vida. No domingo de manhã e perante a falta de notícias, a família participou o desaparecimento à GNR e começou a bater o terreno em busca do homem.

Segundo Catarina Caeiro, o último sinal do telemóvel foi detetado na zona de Pombal pelas 19h30 de sábado e o último registo da Via Verde foi feito nas portagens da A1 na Mealhada pelas 13h48. A irmã diz que Ricardo trazia cerca de 2600 euros em dinheiro que lhe tinha sido entregue pelo cliente e não encontra qualquer motivação para um desaparecimento voluntário. Catarina adianta ainda que o irmão perdeu a carteira no sábado de manhã, quando fazia a entrega da mercadoria, e que o próprio participou esse facto no posto da GNR de Prado (Vila Verde) antes de rumar a casa, pelo que estará sem documentos.

A família diz que a Polícia Judiciária também já está a par do caso e apela a qualquer informação sobre o paradeiro de Ricardo Caeiro.

Barcelos GNR Vila Franca de Xira Polícia Judiciária questões sociais
Ver comentários
}