Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
7

Homem detido em Cabo Verde por abusar sexualmente e engravidar menina de 13 anos

Suspeito da prática de "pelo menos dois crimes de abuso sexual de menor, sendo um deles agravado, e um crime de agressão sexual de menor".
Lusa 3 de Dezembro de 2019 às 19:12
Polícia Cabo Verde
Polícia Cabo Verde FOTO: Getty Images
A Polícia Judiciária (PJ) de Cabo Verde anunciou esta terça-feiraa detenção, na cidade da Praia, de um homem de 28 anos por abusos sexuais a uma menina de 13 anos, que terá sido engravidado pelo suspeito.

Em comunicado, a PJ refere que a detenção, fora de flagrante delito, foi concretizada na segunda-feira por elementos da Brigada de Crimes Sexuais, em cumprimento de um mandado do Ministério Público.

O homem é suspeito da prática de "pelo menos dois crimes de abuso sexual de menor, sendo um deles agravado, e um crime de agressão sexual de menor".

Na sequência de um dos crimes de abuso sexual, prossegue a PJ, a menina "terá ficado grávida do suspeito", que "após negar a paternidade da criança", ainda a "terá agredido sexualmente e ameaçado de morte, caso a mesma o denunciasse e fosse parar à cadeia".

Segundo a PJ, a menor, que continua grávida, encontra-se sob proteção do Instituto Cabo-verdiano da Criança e do Adolescente (ICCA).

O suspeito foi esta terça-feira presente a tribunal para primeiro interrogatório judicial e aplicação de medidas de coação.

O Presidente da República de Cabo Verde, Jorge Carlos Fonseca, alertou em 20 de novembro para os crimes de abusos sexuais que continuam a existir no país.

A posição constou da mensagem do chefe de Estado a propósito do Dia Internacional dos Direitos das Crianças e do 30.º aniversário da Convenção dos Direitos das Crianças (1989), na qual Jorge Carlos Fonseca apontou que "persistem situações pouco abonatórias, como o elevado número de abusos sexuais, determinadas situações de trabalho infantil e de crianças na rua".

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)