Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
9

Incêndios: Paisagem da região Centro não deixa esquecer outubro de 2017

Lusa 13 de Outubro de 2019 às 05:00

A paisagem de vários concelhos do interior da região Centro não deixa esquecer a tragédia dos incêndios de outubro de 2017, seja porque resistem, de pé, árvores queimadas, seja pelas inúmeras casas ardidas, apesar da reconstrução realizada.

Em Tondela, distrito de Viseu, como em Tábua, já no território de Coimbra, vencem-se quilómetros e quilómetros, serra acima, serra abaixo, vales profundos ou aldeias empoleiradas nos montes e uma mesma realidade: o fogo correu por ali, há dois anos, sem que nada lhe travasse o ímpeto. E a devastação ficou, no terreno e na memória.

Maria da Piedade, de 83 anos, viu o fogo levar-lhe a casa de dois pisos, habitação em cima, lagar de azeite e espaço para animais no piso térreo, em Ermida, às portas da sede de concelho, Tondela. Ali, num dos municípios com mais casas consumidas pelas chamas - quase 400, de primeira ou segunda habitação e devolutas, dados da autarquia - a idosa não esconde a satisfação pelo novo lar, agora só de um piso, construído de raiz.

Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)