Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto

Incêndios: Mais de 2700 proprietários multados num ano

Razão é a falta de limpeza de terrenos.
Lusa 14 de Maio de 2015 às 15:06
Segundo o MAI, a GNR levantou 2.546 autos e a PSP, 186
Segundo o MAI, a GNR levantou 2.546 autos e a PSP, 186 FOTO: Nuno André Ferreira

As forças de segurança multaram, num ano, 2.732 proprietários por falta de limpeza de terrenos florestais, dando origem a uma receita próxima dos 224.000 euros, segundo dados avançados à agência Lusa pelo Ministério da Administração Interna.


Desde maio de 2014 que a Secretaria-Geral do Ministério da Administração Interna (MAI) passou a ser responsável pela instrução dos autos de contraordenação levantados pelas forças de segurança em matéria de incêndio florestal.


Anteriormente eram as câmaras municipais responsáveis pela aplicação e cobrança das coimas sobre a falta de limpeza das matas ou das zonas juntos às habitações.


Os dados do MAI indicam que foram levantados 2.732 autos de contraordenação durante o primeiro ano em que a Secretaria-Geral do MAI passou a cobrar as multas relacionadas com incêndios florestais, correspondendo a uma receita de 224.047 euros.


Segundo o MAI, a GNR levantou 2.546 autos e a PSP, 186.   


A alteração de competências das autarquias para a Secretaria-Geral do MAI esteve relacionada, segundo o Governo, com o número reduzido de coimas cobradas pelas autarquias, em relação aos autos levantados pelas forças de segurança.

Ministério da Administração Interna incêndios
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)