Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
4

Sapadores de Lisboa com 850 novos equipamentos

Material constitui investimento de um milhão de euros.
Lusa 17 de Janeiro de 2018 às 13:16
Cerimónia de entrega de equipamentos de Proteção Individual ao Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa
Cerimónia de entrega de equipamentos de Proteção Individual ao Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa
Cerimónia de entrega de equipamentos de Proteção Individual ao Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa
Cerimónia de entrega de equipamentos de Proteção Individual ao Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa
Cerimónia de entrega de equipamentos de Proteção Individual ao Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa
Cerimónia de entrega de equipamentos de Proteção Individual ao Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa
Cerimónia de entrega de equipamentos de Proteção Individual ao Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa
Cerimónia de entrega de equipamentos de Proteção Individual ao Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa
Cerimónia de entrega de equipamentos de Proteção Individual ao Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa
Cerimónia de entrega de equipamentos de Proteção Individual ao Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa
Cerimónia de entrega de equipamentos de Proteção Individual ao Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa
Cerimónia de entrega de equipamentos de Proteção Individual ao Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa
Cerimónia de entrega de equipamentos de Proteção Individual ao Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa
Cerimónia de entrega de equipamentos de Proteção Individual ao Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa
Cerimónia de entrega de equipamentos de Proteção Individual ao Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa
Cerimónia de entrega de equipamentos de Proteção Individual ao Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa
Cerimónia de entrega de equipamentos de Proteção Individual ao Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa
Cerimónia de entrega de equipamentos de Proteção Individual ao Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa
Cerimónia de entrega de equipamentos de Proteção Individual ao Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa
Cerimónia de entrega de equipamentos de Proteção Individual ao Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa
Cerimónia de entrega de equipamentos de Proteção Individual ao Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa

O presidente da Câmara Municipal de Lisboa, que tutela a Proteção Civil, entregou esta quarta-feira ao Regimento de Sapadores Bombeiros (RSB) do concelho 850 novos equipamentos de proteção individual, que constituíram um investimento de um milhão de euros.

O RSB "é um corpo de excelência na proteção da cidade e na defesa da cidade, e nós não transigimos nisto, não transigimos neste reconhecimento, e também não transigimos nem hesitamos nas medidas que são necessárias para o atingir", disse Fernando Medina na cerimónia que decorreu no quartel da Avenida D. Carlos I.

Do total dos equipamentos entregues, 800 serão utilizados a partir de hoje, enquanto 50 ficarão de reserva para substituições futuras.

"O regimento diariamente protege a cidade, o regimento diariamente ajuda a proteger o país e tem sido claro, no último ano, que o regimento tem feito esse trabalho com prestígio, com honra e com orgulho para a cidade", defendeu o socialista, acrescentando que a cidade "tem confiança no seu RSB".

Medina salientou também que "foram resolvidos" problemas relativos "às chefias", a "concursos que se arrastavam nos fardamentos", a "problemas severos em equipamentos de proteção de incêndio" e ainda à "necessidade de mais equipamentos e viaturas".

"Já no primeiro semestre deste ano", a Câmara espera que "sejam entregues as novas 14 viaturas" para o RSB: dez veículos de combate a incêndios urbanos, um veículo plataforma, um veículo tanque tático florestal, um veículo de apoio ao mergulho e ainda uma ambulância.

Ao mesmo tempo, o município está a investir na "reorganização territorial do regimento" afirmou Medina, avançando que "já está aberto o quartel da Alta de Lisboa e, muito em breve, irá abrir o novo posto no Martim Moniz", uma "moderníssima instalação que vai servir toda a baixa de Lisboa".

"Este mandato ficará marcado de forma muito clara pelo arranque das obras que vão permitir fazer o quartel central, em Chelas, uma das mais modernas instalações de regimentos de sapadores bombeiros de toda a Europa", vincou.

Este novo quartel será "dotado das capacidades operacionais e de escola" para transmitir o "conhecimento e valor" do RSB a outras corporações "e ajudar à proteção do país".

A Câmara espera também a entrada de "até cerca de 140 novos bombeiros no imediato", que se juntam aos "quase 50 admitidos em outubro", avançou Medina.

O presidente da Câmara de Lisboa (PS) vincou também saber que a sua "primeira função, a primeira responsabilidade" enquanto presidente, "é proteger a cidade".

"É por isso que não transijo com o estatuto de excelência do RSB, nem hesitamos nas medidas que são necessárias para o atingir, porque palavras proclamatórias de excelência e de referência que não venham acompanhadas dos meios e dos investimentos, são palavras vazias relativamente ao que queremos fazer", considerou.

Dirigindo-se diretamente aos bombeiros presentes, o autarca socialista advogou ser "um orgulho ver o RSB em ação" quando é chamado "a agir nos momentos de dificuldade".

Medina comprometeu-se ainda a "nunca transigir na proteção da cidade, dos lisboetas" e na "dignificação e valorização do RSB, porque ele é, no fundo, essencial".

Ver comentários