Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
8

Irão: Tribunal investiga origem dos protestos

O Poder Judicial do Irão vai formar um tribunal especial para julgar os manifestantes detidos durante os protestos e distúrbios que marcam o dia a dia das ruas iranianas, desde que foram conhecidos os resultados das eleições presidenciais e que deram a vitória a Mahmud Ahmadinejad.
24 de Junho de 2009 às 09:13
Os protestos em Teerão repetem-se diariamente
Os protestos em Teerão repetem-se diariamente FOTO: Reuters

O Tribunal tem como missão investigar caso a caso para 'revelar quem está por detrás dos distúrbios. O Irão tem acusado grupos apoiados por forças exteriores, em especial desde os EUA, Alemanha, França e Reino Unido, de intromissão em assuntos internos e de pretenderem desestabilizar o país. Os respectivos Governos têm rejeitado as acusações.

Os protestos, que já causaram a morte a pelo menos 20 pessoas, despontaram quando o Ahmadinejad foi reeleito presidente do país. Milhares de pessoas, apoiantes do candidato da oposição Mir-Hossein Moussavi,  têm saído diariamente à rua em marchas pacíficas, denunciando alegadas fraudes eleitorais.

VÍDEO:

Ver comentários