Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
8

Iraque: Tarek Aziz condenado a 15 anos de prisão

O Tarek Aziz, antigo vice-ministro de Saddam hussein, e Ali Hassan al-Majid, conhecido como ‘Ali o Químico’, foram esta quarta-feira condenados a 15 anos de prisão por crimes contra a humanidade.
11 de Março de 2009 às 12:53

O juiz Rauf Rachid Abderrahmane declarou os dois antigos responsáveis  do regime iraquiano culpados de “assassínios premeditados” e de “crimes  contra a humanidade”, pela execução de 42 comerciantes iraquianos em 1992. 

Tarek Aziz e Ali Hassan al-Majid foi julgados pelo Alto Tribunal Penal iraquiano situado  na Zona Verde, sector protegido no centro de Bagdad. Foram ainda julgados outros seis responsáveis do antigo regime iraquiano.

Os factos remontam a 1992, quando 42 comerciantes de Bagdad foram executados após terem sido  reconhecidos culpados de especulação sobre o preço dos produtos alimentares  quando o Iraque se encontrava sob sanções da ONU.   

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)