Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
3

Joana Marques Vidal recomenda adiamento de diligências

Procuradora-geral da República quer assegurar processos urgentes em setembro.
2 de Julho de 2014 às 20:24

A procuradora-geral da República, Joana Marques Vidal, adiantou esta quarta-feira que os processos urgentes não serão atrasados com a entrada em vigor do novo mapa judiciário, admitindo ter aconselhado o adiamento de outros processos.

"Considerou-se que para permitir que os serviços se conseguissem normalizar seria adequado não marcar diligências no âmbito dos processos do Ministério Público para o mês de setembro, obviamente sem prejuízo de assegurar todos os processos urgentes ou todos os atos de natureza urgente", frisou.

Joana Marques Vidal falava, em declarações aos jornalistas, em Angra do Heroísmo, questionada sobre uma ordem de serviço, que recomenda que se evite marcar atos e diligências em setembro, divulgada esta quarta-feira pelo jornal Público.

Justiça Procuradora-geral República Joana Marques Vidal recomenda adiamento diligências
Ver comentários