Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
3

Joseph Stiglitz defende reestruturação "profunda" da dívida portuguesa

27 de Março de 2014 às 16:50

Joseph Stiglitz, prémio Nobel da Economia em 2001, defendeu hoje, em Macau, uma reestruturação "profunda" da dívida de Portugal e teceu duras críticas às políticas de austeridade impostas pela 'troika' na Europa.

"É preciso fazer uma reestruturação e quando a fizerem devem fazer uma reestruturação profunda. Se não for suficiente, vão voltar a ter problemas daqui a três anos, tal como a Grécia teve", disse Joseph Stiglitz, aos jornalistas, à margem do Fórum e Exposição Internacional de Cooperação Ambiental de Macau (MIECF, na sigla inglesa), que arrancou hoje e se prolonga até sábado.

A Grécia precisava de uma reestruturação, observou, defendendo que "não havia outra saída". Porém, apontou, cometeram um erro: Não a fizeram, de uma forma tão profunda como deveriam ter feito. E, por isso, tiveram uma segunda reestruturação e estão a discutir agora uma terceira e hoje o Produto Interno Bruto da Grécia é cerca de 25% inferior ao que era antes da crise".

Ver comentários