Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
5

Julgamento adiado por falta de transporte para arguido

Estabelecimento prisional de Leiria não tinha carrinha para levar arguido a tribunal.
1 de Abril de 2014 às 18:11

O julgamento de três suspeitos de assalto estava marcado para esta terça-feira, às 9h30, mas teve de ser adiado porque o Estabelecimento Prisional de Leiria não tinha carrinha celular disponível para transportar um dos três arguidos.

Os três suspeitos são acusados de roubar a mulher de um empresário, em Junho de 2013. Foram roubados artigos e dinheiro que perfazem um total de cerca de 18 mil euros. Os assaltantes colocaram-se em fuga numa viatura apanhada pela GNR pouco depois do crime, junto à auto-estrada 1, em Pombal.

Em declarações à Lusa, o serviço de Relações Públicas da Direcção-Geral de Reinserção e Serviços Prisionais explicou que esta situação aconteceu porque o julgamento ”que deveria ter terminado ontem [segunda-feira] foi alongado para o dia de hoje, obrigando a alterações inesperadas na escala de deslocação". A mesma entidade acrescentou que "o Estabelecimento Prisional de Leiria tem afectas cinco viaturas celulares, uma das quais nova", mas que “serve 36 comarcas geograficamente dispersas, sendo as ocorrências deste tipo excepcionais".

O Conselho Superior da Magistratura (CSM) confirmou o motivo do adiamento do julgamento, explicando que "se deveu à impossibilidade de o Estabelecimento Prisional de Leiria de fazer comparecer o detido".

julgamento adiado arguido leiria estabelecimento prisional
Ver comentários