Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
4

Kate continua a ser inquirida

Kate McCann continua hoje a ser ouvida pela Polícia Judiciária de Portimão. Uma fonte da PJ não excluída a hipótese que a mãe de Maddie possa ser constituída como arguida.
7 de Setembro de 2007 às 10:33
Kate McCAnn, ao abandonar esta madruaga as instalações da PJ em Portimão
Kate McCAnn, ao abandonar esta madruaga as instalações da PJ em Portimão FOTO: Reuters
“Nada está ainda definido e tudo vai depender da continuação da inquirição”, disse a mesma fonte.
Kate foi inquirida durante cerca de 11 horas, desde ontem á tarde até ao princípio da madrugada de hoje.
Algumas televisões inglesas, citando fontes da família McCann já dão como certa a constituição de Kate como arguida no caso do desaparecimento da sua filha Maddie.
Hoje ainda está prevista a inquirição do pai da menina, Gerry McCann, á luz das novas pistas trazidas pelos resultados parciais das análises do laboratório de Birmingan a vestígios biológicos (sangue, saliva e cabelos) recolhidos em Julho do apartamento de onde a menina desapareceu.
MURATT CONTINUA ARGUIDO
Entretanto, Robert Muratt continua também como arguido, não propriamente pelo desaparecimento de Maddie, mas por todo o conteúdo de pornografia infantil que a PJ encontrou no seu computador. A seu tempo, serão extraídas certidões para a constituição de um processo independente.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)