Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
1

Lava Jato: Juíz do Supremo brasileiro pede prisão de alegados "hackers"

Lusa 18 de Junho de 2019 às 02:19

O juiz do Supremo Tribunal Federal brasileiro (STF) Alexandre de Moraes pediu na segunda-feira a prisão dos 'hackers' que, no seu entender, invadiram telemóveis de magistrados e procuradres envolvidos na Operação Lava Jato, avança a imprensa local.

"As invasões que ocorreram nos telefones de agentes públicos são criminosas. Falo com absoluta tranquilidade que fugas de informação, 'fake news', falsidade em notícias divulgadas são questões de polícia. Esses 'hackers' que, eventualmente, invadiram (os telefones) devem ser alcançados, punidos e presos", afirmou o magistado, frisando que o material divulgado pelo The Intercept tem interesse "jornalístico" e "público".

O portal de investigação jornalística The Intercept publicou no dia 09 de junho textos com supostas mensagens e conversas privadas entre promotores e juízes brasileiros na aplicação Telegram, denunciadas por uma fonte que o 'site' prefere manter anónima, que alegadamente indicam falta de imparcialidade e colaboração ilegal na operação Lava Jato, pela qual está preso o ex-Presidente Lula da Silva.