Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
1

Leverkusen, Athletic Bilbau e Arsenal bem posicionados para "Champions"

Na quarta-feira, disputam-se o Lille-FC Porto, Standard de Liège-Zenit São Petersburgo, Maribor-Celtic, Aalborg-APOEL Nicósia e Slovan Bratislava-BATE Borisov.
19 de Agosto de 2014 às 22:49

O Bayer Leverkusen ganhou esta terça-feira importante vantagem na corrida à fase de grupos da Liga dos Campeões de futebol, enquanto Athletic Bilbau e Arsenal ficaram em boa posição no "play-off".

Em jogo com primeira parte "louca", o Leverkusen impôs-se por 3-2 no recinto do FC Copenhaga: pelo que fez no segundo tempo, podia ter sentenciado já a eliminatória. Com desvio oportuno, Stefan Kiessling (05) colocou os alemães na frente, mas cabeceamentos de Mathias Joergensen (09), após um canto, e Daniel Amartey (12), na sequência de livre, viraram o resultado. O desafio entre dois rivais que o ano passado disputaram a fase de grupos da "liga milionária" ficou decidido com golos de Kaim Bellarabi (31) e Heung-Min Son (42), à entrada da área.

Mais calmo foi o desafio em Nápoles, com o Athletic de Bilbau a adiantar-se por Iker Muniain (41), sereno na resposta a uma arrancada vistosa de De Marcos. Os bascos estavam mais próximos do 2-0 do que de sofrer o empate, que, no entanto, surgiria pelo génio do argentino Higuain (68), que encontrou espaço para rematar onde não o parecia haver: o tento despertou o Nápoles, que até ao fim do jogo desperdiçou várias soberanas oportunidades para vencer.

Em jogo menos emotivo, Besiktas e Arsenal anularam-se (0-0) em Istambul, com os ingleses a terminar reduzidos a 10, por expulsão do médio galês Aaron Ramseu (80).

Na Áustria, Salzburgo podia ter deixado a eliminatória com o Malmö praticamente, mas consentiu um golo tardio aos suecos que deixa tudo em aberto para a segunda mão. Em lance extremamente confuso, Franz Schiemer (06) adiantou o Salzburgo e a vantagem foi reforçada em livre direto de Jonathan Soriano (54), mas Forsberg, em cima dos 90, aproveitou uma má comunicação da defesa austríaca para marcar e recuperar esperanças no apuramento.

Foi também perto do final que o Steaua de Bucareste, a jogar em casa, colocou a eliminatória a seu favor frente aos búlgaros do Ludogorets, com Alexandru Chipciu (88) a fazer o golo em lance de insistência.

 

pré-eliminatória Liga Campeões Athletic Bilbau Arsenal Leverkusen posicionados Champions
Ver comentários