Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto

Lisboa-Dakar: Sainz mantém liderança

O espanhol Carlos Sainz mantém a liderança no Lisboa-Dakar depois de terminada a quarta etapa da prova, disputada esta terça-feira entre ErRachidia e Ouarzazate, em Marrocos, (450 quilómetros cronometrados). Nas motas, o seu compatriota Marc Coma assumiu a liderança da geral, num dia marcado pela morte do sul-africano Elmer Symons.
9 de Janeiro de 2007 às 16:06
Sainz (Volkswagen) terminou a etapa de hoje no 2.º lugar, atrás do francês Jean-Louis Schlesser (Schles-Ford) que venceu com mais 7m58 que o espanhol.
Por sua vez, o português Carlos Sousa (Volkswagen) tinha chegado em sexto na etapa, segundo a organização da prova. No entanto, o piloto português reclamou dos resultados afirmando que terminou em segundo lugar a distância percorrida hoje.
A situação já está resolvida, tendo a organização do Dakar confirmado a segunda posição de Carlos Sousa na etapa e corrigido o tempo do português para 4:07.46 horas, mais 7.52 minutos que o francês Schlesser. O piloto mantém o terceiro posto na classificação geral, a 7:20 minutos de Sainz.
Nas motas, Coma gastou 4h27m54s para percorrer os 405 quilómetros da etapa cronometrada, 12m16s menos que o compatriota Isidre Esteve e 18m56s menos que o francês Cyril Despres, segundo classificado em 2006 e vencedor da edição de 2005 do rali.
O motard português Hélder Rodrigues (Yamaha) desceu seis lugares na classificação geral do rali Lisboa-Dakar2007, depois de ter terminado a etapa de hoje em 15º lugar, a 45m19s do vencedor.
Paulo Gonçalves (Honda), foi o segundo português melhor classificado, a 1h03m29s de Coma, e subiu dois lugares na classificação geral.
Amanhã, quinto do rali, a prova percorrerá uma extensão de 775 quilómetros, 325 dos quais cronometrados, entre Ouarzazate e Tan Tan, ainda em solo marroquino.
Ver comentários